Com 14 filhos, morador de Sorocaba cria lar para crianças em situação vulnerável

Com 14 filhos, morador de Sorocaba cria lar para crianças em situação vulnerável

  • Post category:Notícias

Ser pai tem vários significados e, segundo o dicionário Aurélio, pode ser aquele que gera, aquele que cria ou aquele que educa. Em Sorocaba (SP), um homem representa estas três definições multiplicadas por 14 vezes.

Gelfe Franco Luiz é pai de dois filhos biológicos, 12 adotivos e outros tantos “filhos de coração”. Com tanto espaço para amar, 14 pareceu um número pequeno e ele expandiu esse entimento para auxiliar crianças e adolescentes que estavam em vulnerabilidade social.

O criador da Casa Lar Nossa Senhora das Graças sabe bem a situação dos jovens que adotou como filhos. Ele já teve envolvimento com drogas e com o crime. “Vejo crianças trilhando mais ou menos o mesmo caminho que o meu e já vem aquele sentimento de compaixão”, diz.

“Somos pessoas que nascemos pra dar certo, ninguém nasce pra dar errado. O desejo [de ajudar as crianças] foi crescendo dentro de mim, até eu ter esta iniciativa”, afirma.

Com a chegada da esposa Rosangela Frabco Luiz, o projeto de restaurar vidas que perderam a estrutura familiar ganhou ainda mais força.

“Lógico que tem aqueles momentos que fico irada, mas eles sempre chegam de um jeitinho assim e falam ‘Mãe, se não for você na minha vida eu não tenho ninguém’, aí não tem como você querer voltar atrás”, declara.

Gabrielle Franco Luiz, uma das filhas de Gelfe, afirmou à TV TEM que no começo sentiu um pouco de ciúmes. “Mas foi só no começo. Depois a gente vai adquirindo todos como família”, diz.

“Vejo meu pai como um anjo. O carinho que eles sentem é a maior riqueza que pode existir. Todos nós somos muito gratos por isso”, diz.

Lar do amor

A Casa Lar Nossa Senhora das Graças foi fundada em 2013 e toda a renda vem da doação de dois pequenos empresários e da venda de roupas em um bazar.

A ajuda da prefeitura só chegou em novembro de 2017 e os R$ 18 mil, disponibilizados por mês pelo município, ajudam a manter 50% do que a casa precisa. Além de pagar a equipe técnica que tem assistente social, psicóloga e uma coordenadora.

Assim como todos os pais, a vontade do Gelfe é sair do aluguel e ter uma sede própria. Mas este sonho ele espera realizar fazendo o bem, sem desistir da missão de ser pai biológico, adotivo e de coração.

Saiba como ajudar

Gelfe e sua família vão realizar um jantar dançante beneficente para arrecadar fundos para a Casa. O convite custa R$ 45 e o baile vai ser realizado no dia 31 de agosto, a partir das 20h em uma pousada em Itu (SP), na Rodovia Deputado Archimedes Lamoglia, no quilômetro 18.

Para quem não puder comparecer ao baile, mas mesmo assim deseja ajudar a família, Gelfer afirma que precisam de doações como:

  • Alimentos;
  • Roupas e sapatos;
  • Móveis;
  • Medicamentos;
  • Material escolar e de higiene;
  • Produtos de limpeza;
  • Roupas de cama, mesa e banho;
  • Brinquedos.

Para mais informações os telefones são (15) 3346-1985 ou (15) 99708-9837.

Fonte: https://g1.globo.com/sp/sorocaba-jundiai/noticia/2018/08/11/com-14-filhos-morador-de-sorocaba-cria-lar-para-criancas-em-situacao-vulneravel.ghtml